Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Complete os campos ao lado para pedir sua Conta e Cartão de crédito

Agora complete abaixo para pedir sua conta e cartão de crédito

Precisamos de um CPF válido
Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu e-mail. Precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Vale a pena pedir emprés...

Vale a pena pedir empréstimo com portabilidade de salário?

Para quem precisa de um empréstimo, a opção com portabilidade de salário pode valer a pena por oferecer juros menores e ser menos burocrática que um consignado.



Quitar uma dívida, reformar a casa, arcar com um imprevisto… São várias as situações em que solicitar um empréstimo acaba sendo a solução. Entre os tipos existentes, o empréstimo com portabilidade de salário ainda pode gerar algumas dúvidas.

Veja abaixo quando ele vale a pena para o seu bolso e o que levar em consideração ao contratar. 

Tipos de empréstimo: quais existem e como escolher o melhor?

Antes, como funciona a portabilidade de salário?

A portabilidade de salário permite que funcionários de empresas públicas ou privadas com conta-salário escolham o banco em que queiram receber sua remuneração mensal. Dessa forma, salários, proventos e recursos são transferidos da instituição onde uma pessoa tem sua conta-salário para a conta-destino desejada.

Com a portabilidade, os trabalhadores não ficam “presos” ao banco que a empresa empregadora tem convênio. Eles ainda precisam abrir a conta-salário onde seu empregador exigir, mas podem escolher enviar o dinheiro automaticamente para a conta que preferirem.

Portabilidade de salário: tudo que você precisa saber

O que é empréstimo com portabilidade de salário?

O empréstimo com portabilidade de salário é muito parecido com um empréstimo pessoal comum: a pessoa contrata e deve pagar as parcelas com o dinheiro que tem em conta. A diferença é que, como a pessoa faz a portabilidade de seu salário para aquela conta, a instituição tem mais informações e pode oferecer juros mais vantajosos.

É diferente, por exemplo, do empréstimo consignado, que segue uma série de regras específicas e desconta as parcelas automaticamente do salário.

O pagamento do empréstimo com portabilidade de salário segue o mesmo formato que o empréstimo pessoal.

No Nubank, por exemplo, o valor é abatido automaticamente do saldo da conta na data de vencimento de cada parcela – como um débito automático. Se a pessoa não tiver saldo suficiente na conta para cobrir a parcela, a parcela fica em atraso e ela precisará pagá-la manualmente (por boleto, por exemplo, se a instituição oferecer essa opção).

Mas a forma de pagamento varia de instituição para instituição.

Vale a pena pedir um empréstimo com portabilidade de salário?

Se você precisa fazer um empréstimo, a modalidade com portabilidade de salário oferece juros mais vantajosos, se comparada com outros tipos – muito menores que os “vilões” dos juros, como cheque especial e rotativo do cartão de crédito, mas melhores até que muitos empréstimos pessoais. Por isso, ela pode valer mais a pena.

Vale dizer que esse tipo de empréstimo também é prático: o consignado, por exemplo, que também costuma ter juros mais baixos, envolve várias etapas burocráticas, como a autorização do RH da empresa e as determinações de valores baseadas no holerite. O empréstimo com portabilidade de salário pode ser contratado online, sem precisar falar com o empregador ou assinar papeladada.

Vale dizer que, independentemente do tipo de empréstimo que contratar, vale ficar de olho não só nos juros, mas também no custo efetivo total (CET).

No CET estão embutidos, além dos juros, o IOF, seguro, tributos, registros e outras despesas de comum acordo no contrato.  O IOF é de 0,38% sobre o valor total, mais uma porcentagem de 0,0082% por dia, calculada de acordo com o prazo de pagamento.

E lembre-se sempre: É importante fazer um planejamento financeiro para ter certeza que as parcelas cabem no seu bolso.

Como funciona o empréstimo com portabilidade de salário no Nubank?

Sem asteriscos ou letras miúdas no contrato e com um processo transparente e rápido, o Nubank oferece agora a opção de empréstimo com portabilidade de salário. O objetivo é facilitar a vida das pessoas, não só no momento de contratar, mas também na hora de realizar os pagamentos.

Os pagamentos do empréstimo com portabilidade não serão descontados diretamente do salário de quem contratar – o cliente paga suas parcelas normalmente, por ser um empréstimo pessoal. Logo, o dinheiro sai direto do saldo da conta do Nubank.

Como saber se tenho acesso?

Vale dizer que essa opção está em fase de testes e, por isso, está sendo disponibilizada aos poucos para os nossos clientes. Por enquanto, esse produto está liberado somente para quem já tem acesso ao Empréstimo Nubank. Para checar se você tem, vá em nosso app na tela de “Empréstimos”.

Veja tudo sobre essa opção clicando aqui

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

3.9

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post