Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Taxa de juros: emprésti...

Taxa de juros: empréstimo vale a pena? Saiba como calcular

Antes de contratar um empréstimo, é muito importante ter visibilidade de quais são as taxas de juros cobradas.

Resumo

  • Em empréstimos são cobrados juros - e eles geralmente são compostos (“juros sobre juros”)
  • Sempre olhe o Custo Efetivo Total (CET) no contrato. Ele engloba todos os custos que podem existir no empréstimo: seguros, tributos e tarifas, juros e IOF
  • O ideal é sempre fazer uma simulação de empréstimo pessoal, verificando o valor dos juros e das parcelas mensais em diferentes cenários

Pedir um empréstimo pode ser uma boa solução para lidar com alguma emergência financeira ou chegar mais perto de realizar aquele sonho e objetivo que, normalmente, levaria muito mais tempo para ser atingido.

Mas é importante não se esquecer que ao contratar um empréstimo, sempre serão cobradas taxas de juros – o pagamento do empréstimo, portanto, sempre será maior do que o valor contratado. 

E como são cobrados os juros em um empréstimo? 

Normalmente, os juros cobrados por um empréstimo são do tipo composto – ou, em outras palavras, juros sobre juros, pois são somados aos juros acumulados de do montante que ainda está em aberto do empréstimo.

Como assim?

Vamos considerar um empréstimo de R$ 3 mil, que será pago em 10 meses e tem juros de 3% ao mês. Na primeira parcela, serão cobrados R$90 de juros (3% de 3.000). 

Neste caso, o total do empréstimo vai ser de R$ 3.516,90 e este será, dividido em dez parcelas de R$ 351,69. O valor da primeira parcela é abatido do quanto ainda deve ser pago do empréstimo – logo, sobram  R$2.738,31. Sobre esse valor, irá incidir 3% de juros.

E assim por diante. 

É possível perceber que, em um empréstimo, exatamente por conta da cobrança de juros compostos, o prazo de pagamento tem grande influência. Afinal, quanto mais tempo, maiores serão os juros acumulados.

O que as instituições financeiras fazem é considerar o custo total do empréstimo, já com os juros compostos cobrados, e dividí-lo pelo número de parcelas que o cliente quer pagar – assim, ele paga todo o mês o mesmo valor. Por isso, é possível oferecer descontos nas parcelas quando o cliente faz o pagamento antecipado delas. 

Custo Efetivo Total (CET) do empréstimo

Esta é a maneira como os juros de um empréstimo são calculados – mas podem existir outros custos além dele. A composição de todos esses custos é chamada de Custo Efetivo Total (CET). O CET é apresentado para quem contrata o empréstimo como um percentual anual e pode incluir seguros, tributos e tarifas, além dos juros e do IOF que são obrigatórios.

Em empréstimos, o IOF, sigla para Imposto sobre Operações Financeiras, é de 0,38% sobre o valor total mais uma porcentagem de 0,0082% por dia, calculada de acordo com o prazo de pagamento.

A contratação de seguro para empréstimo e outros adicionais variam conforme a instituição financeira. Por isso, é importante ficar atento a quais são os custos do seu empréstimo além da taxa de juros para evitar pagar mais por ele. 

Empréstimo Nubank

O empréstimo pessoal do Nubank oferece uma experiência completamente nova de empréstimo e dá segurança e autonomia ao cliente durante todas as etapas.  

No nosso app, é possível fazer uma simulação em tempo real: você diz o valor que deseja contratar, escolhe o número de parcelas e vê, na hora, os juros e o valor total e mensal que irá pagar – o tal do CET de uma forma muito mais transparente e simples.

Sem letras miúdas. Sem ansiedade. Você tem autonomia e transparência para gerenciar o seu empréstimo em todas as etapas:

  • Controle na hora de decidir: pelo app, o cliente faz simulações mais simples e fáceis de entender. Ali, também dá pra ver exatamente o valor da taxa de juros, escolher o número de parcelas, o valor das parcelas e as datas de cada pagamento. É possível simular diversas possibilidades, quantas vezes quiser.
  • Controle na hora de contratar: transparência e clareza nas informações para você saber exatamente o que está levando. As informações que você quer saber estão sempre em destaque e, se tudo estiver como você espera, a contratação termina em dois cliques. A partir daí, o dinheiro cai na NuConta – a nossa conta digital gratuita – na hora!
  • Controle na hora de pagar: um jeito eficiente para você ver quanto já pagou e quanto ainda falta pagar. Se quiser antecipar algum pagamento, basta escolher as parcelas para receber o desconto dos juros. Tudo pelo app, na hora que desejar.

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

4.56

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post