Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Cuidado com golpes virtu...

Cuidado com golpes virtuais usando o coronavírus

Assuntos populares costumam virar isca nas mãos de criminosos. O termo da vez é o Covid-19.

Responda rápido: quantas vezes você já recebeu mensagens com áudios de médicos sobre o coronavírus? Um arquivo em PDF de algum hospital? Imagens com estatísticas da propagação da doença?

Pois é, o coronavírus é o assunto do momento – e, justamente por ser tão buscado, compartilhado e acessado, começou a ser usado por criminosos como isca para golpes.

A fórmula é antiga: criar uma mensagem que parece real e induz a pessoa a tomar alguma ação – como instalar um aplicativo, baixar um arquivo malicioso, fornecer algum dado ou acessar uma página.

É o famoso phishing (termo em inglês que remete a “pescar”), um dos golpes mais comuns da internet.

Nos Estados Unidos, empresas de segurança e até mesmo entidades como o FTC (Federal Trade Comission) começaram a alertar as pessoas sobre golpes de phishing usando o coronavírus como isca.

Golpes com o coronavírus

A mensagem que vem circulando lá fora é um e-mail, supostamente enviado pelas autoridades de saúde, incentivando as pessoas a baixarem um arquivo contendo mais informações sobre o coronavírus.

O arquivo, no caso, é um programa malicioso que, ao ser instalado, pode dar acesso da sua máquina aos criminosos.   

Variações do caso

O alerta importante é que, quanto mais um assunto se populariza no Brasil, mais chances tem de ser usado como isca de golpe por aqui.

Em tempos de coronavírus, os criminosos sabem que as pessoas estão ávidas por informações – e, portanto, mais propensas a clicar em algo malicioso e ter o telefone ou computador atacados (ou serem convencido a entregar seus dados).

Como se proteger?

As recomendações no caso de golpes usando o Coronavírus são as mesmas de outros casos de phishing – só muda o tom do conteúdo:

  • Cuidado com documentos compartilhados por mensagens. 
  • Atenção para e-mails ou mensagens que prometem absurdos – curas, vacinas ou algum tipo de benefício. Apelar para a saúde das pessoas em momentos de vulnerabilidade é um golpe conhecido. 
  • Sempre que for se informar sobre algo, busque pela fonte da informação, que, no caso, é https://coronavirus.jhu.edu/map.html . O SUS também colocou no ar um aplicativo oficial para dar atualizações.
  • Baixe aplicativos de lojas oficiais. Evite sempre links diretos.
  • Cuidado com pedidos para preencher formulários de dados. 
  • Recebeu uma ligação? Cuidado com pedidos para confirmar dados. 

Acha que caiu em um golpe? Que teve seu celular, a senha de suas redes sociais, e-mails ou qualquer outra senha comprometida? Entre em contato imediatamente com seu banco.

Veja aqui mais sobre phishing e formas gerais de tentar se proteger.

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post