Pular navegação

Como saber se um site é seguro?

Existem plataformas que te ajudam a saber se um site é seguro. Conheça as principais e confira dicas para comprar online com segurança.

Como saber se um site é seguro: ilustração de um notebook com um cadeado na tela. O desenho é branco e tem aspecto pixelado. O fundo da imagem é roxo.

Se você prefere comprar pela internet do que em uma loja física, saiba que não está sozinho nessa: pelo menos 61% dos brasileiros se rendem à praticidade das compras online. O problema é que, em meio a tantas transações e tentativas de golpe na internet, a dúvida mais comum entre os consumidores é: como saber se um site é seguro?

Em períodos movimentados para o varejo, as tentativas de golpe e fraudes digitais aumentam muito: pesquisas estimam que, à medida que a Black Friday se aproxima, o risco sobe para 36%. Um outro dado também diz que, durante o ano de 2022, o Brasil registrou 5,6 milhões de tentativas de fraudes em compras online.

Por isso, nunca é demais aprender a identificar se um site é seguro. Antes de abrir a carteira, confira abaixo algumas dicas e plataformas que te ajudam a ter mais tranquilidade na hora da compra. 

Todo mundo é uma potencial vítima de um golpe. Por que caímos com tanta facilidade?

Como saber se um site é seguro? 

O site "www.nubank.com.br" é diferente do “www.nu.bank.com.br” ou "www.nuubank.com.br.

Esse é apenas um exemplo de como golpistas podem tentar se passar por marcas e empresas para tentar roubar dados pessoais, bancários e fazer você cair em uma cilada de "Black Fraude", por exemplo.

Sempre que fizer compras online, confirme se você realmente está acessando a URL oficial da loja e se não tem nenhuma letra, número ou símbolo estranho escondido no domínio da página, que é onde costuma ficar o nome da marca.

Essa é uma das formas de saber se um site é seguro.  

https://www.youtube.com/watch?v=QZRrpqefYSY

Confira outras 7 dicas para saber se um site é seguro: 

  1. Confirme se a URL é criptografada. Sites criptografados possuem as letras https (HyperText Transfer Protocol Secure) no início do link, e em alguns navegadores, aparece um ícone de cadeado no início do endereço do site. Esses sinais são a confirmação de que o ambiente é criptografado, mas não necessariamente seguro. Por isso, considere também outros fatores;
  2. Evite comprar nesses sites. O “evite estes sites”, do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP), lista algumas empresas que tiveram reclamações registradas no Procon-SP, foram notificadas, não responderam ou não foram encontradas. Seja na Black Friday ou em outros momentos, evite comprar nesses sites;
  3. Valide no detector de sites confiáveis do Reclame Aqui. A plataforma, desenvolvida com a empresa Axur, de monitoramento de ameaças digitais, é uma grande aliada para se proteger de fraudes na internet. O monitoramento é feito com a ajuda de inteligência artificial;
  4. Saiba a reputação do site e leia os comentários sobre a empresa na internet. Sites como Reclame Aqui e Consumidor.gov medem o índice de satisfação, reclamação e solução dos problemas dos clientes de diversas lojas, marcas e empresas. Leia os comentários, verifique a pontuação, avalie se o site é seguro e oferece uma boa experiência ao cliente.
  5. Desconfie de e-mails marketing e links suspeitos. Desconfie de "super ofertas", e-mails com problemas de formatação, sem informações oficiais da empresa, remetentes de e-mail não oficiais. Não clique em banners e links até se certificar de que se trata de um endereço verdadeiro. Antes de clicar, vá até o site oficial ou aplicativo da loja para validar se a oferta é real. Saiba 4 táticas que as marcas usam para te induzir a comprar na Black Friday;
  6. Não clique em links de promoção desconhecidos. Pode ser ofertas de desconto ou até mesmo quitação de empréstimo e supostas vagas de emprego. Se você recebeu uma mensagem por SMS, WhatsApp ou redes sociais que envolve dinheiro, não conhece a pessoa ou não tem certeza que realmente está falando em um canal oficial de atendimento da empresa, não clique em nenhum link e não envie seus dados pessoais e financeiros;
  7. Na dúvida, baixe o app oficial da loja. Se mesmo após seguir todas as dicas de segurança você ficar em dúvida se realmente o site é seguro, acesse a loja oficial de aplicativos do seu aparelho (como Play Store e App Store) e baixe o aplicativo oficial da loja onde você viu a oferta.

Fui vítima de um golpe por e-mail ou SMS. O que fazer?

Site seguro: dicas para comprar online com segurança

Além de dicas para checar se um site é seguro, existem outras estratégias que podem garantir compras mais seguras. Confira abaixo:

Use cartões virtuais  

Crie cartões virtuais e proteja os seus dados nas suas compras online. No Nubank é possível gerar um cartão temporário, que será excluído automaticamente depois de 24 horas. Você pode mantê-lo bloqueado quando não estiver usando ou deletá-lo após realizar suas compras, dando ainda mais segurança para seu dinheiro.  

https://www.youtube.com/watch?v=psj84EJ_3OU

5 dicas para proteger seu cartão de crédito em compras online 

Proteja suas senhas

Antes de começar as suas compras online, saiba como proteger seus dados em sites de e-commerce e confira, no vídeo abaixo, algumas dicas de como tornar suas senhas ainda mais fortes e seguras. 

https://www.youtube.com/watch?v=E5VeiIlj7rU

Cuidado com boletos falsos

Antes de realizar qualquer pagamento, cheque os dados do boleto, confira possíveis erros de digitação, confirme o CNPJ ou CPF do vendedor, valide o código de barras e as informações que aparecem na tela de confirmação de pagamento (antes de realizar a transação). Essas são algumas das formas de identificar se um boleto é verdadeiro ou falso. 

https://www.youtube.com/watch?v=_oI3_1qtp9g

Como saber se um boleto é falso? Confira 7 dicas para te ajudar

Informe-se sobre os seus direitos

Na Black Friday, que acontece todo ano em novembro, o Instituto de Defesa do Consumidor disponibiliza um site com orientações claras, listando todos os cuidados que você deve tomar antes de uma compra e quais são os seus direitos caso seja vítima de golpe ou fraude.

Saiba aqui como detectar golpes na Black Friday

Leia mais: 

6 dicas para aproveitar a Black Friday com segurança

Vida Nu Corre: como alavancar as vendas do seu negócio na Black Friday

Como proteger os seus dados em sites de e-commerce? 

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossaPolítica de Privacidade.Ao continuar a navegar, você concorda com essa Política.