Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro O Pix é gratuito? Como ...

O Pix é gratuito? Como funcionam as tarifas?

Novo meio de pagamentos do Banco Central começa a funcionar em dezembro e é gratuito para pessoa física, mas não para pessoa jurídica.

O Pix, novo meio de pagamentos do Banco Central anunciado no mês de fevereiro, começa a funcionar em novembro de 2020. Ele permitirá fazer transferências e pagamentos em qualquer dia e qualquer horário de forma instantânea: todas as transações serão completadas em até dez segundos. 

O Pix ainda tem outras características que fazem dele um meio de pagamento inovador, mas uma dúvida continua: o Pix é gratuito? Existem tarifas?

De forma resumida e rápida: sim, o Pix é gratuito para usuários pessoa física. Já os usuários pessoa jurídica, PJ,  terão um custo para usar o Pix – no Nubank, entretanto, o Pix será gratuito também para empresas.

Veja abaixo mais detalhes. 

O que é o Pix, mesmo?

O Pix é um novo meio de pagamentos – uma alternativa a opções como  TED, DOC, boleto e até cartão de débito. Todos os bancos e instituições financeiras com mais de 500 mil clientes deverão oferecê-lo como uma forma de pagamento em seus aplicativos e serviços digitais.

Tanto usuários pessoa física quanto pessoa jurídica – ou seja, empresas e estabelecimentos – poderão usar o Pix para fazer e receber pagamentos.

Além da questão do custo, as principais características (e vantagens) do Pix são:

  • Rapidez: as transferências e pagamentos são concluídos em até dez segundos;
  • Segurança e facilidade: com as chaves do Pix, não é necessário informar todos os dados bancários e pessoais para receber uma transferência ou pagamento, mas sim somente uma das chaves cadastradas – só CPF, só e-mail, só telefone celular, etc; (veja aqui tudo sobre as chaves Pix)
  • Disponibilidade: o Pix poderá ser enviado e recebido 24 horas por dia, 7 dias da semana; isso inclui também feriados;

Ou seja: o Pix é mais versátil que outros meios de pagamento usados atualmente, além de reunir as qualidades de todos eles em um só formato – totalmente digital. 

O Pix poderá ser usado para pagamento de conta de luz, compras online ou físicas, transferências para outras pessoas ou estabelecimentos e até para o pagamento de impostos do governo. 

Saiba tudo sobre o Pix. 

Gratuito para PF, mas e para PJ?

O Banco Central estabelece que todos os usuários pessoa física do Pix poderão enviar e receber transferências e pagamentos sem pagar por isso. Em relação aos usuários pessoa jurídica, o BC diz que eles devem assumir o custo do Pix – no Nubank, entretanto, as transações do Pix também serão gratuitas para pessoas jurídicas

Uma norma que detalha como e quanto poderão ser tarifados os usuários pessoa jurídica será publicada pelo Banco Central, ainda sem uma data prevista – mas já se sabe que eles terão que arcar com o custo, que é mais baixo que o dos demais meios de pagamentos. 

O objetivo é que as instituições financeiras desenvolvam modelos para oferecer o Pix a um baixo custo para esses usuários – elas poderão, por exemplo, assumir os custos do Pix e não cobrar do usuário pessa jurídica se desejarem, por exemplo. De qualquer forma, o Pix será um meio de pagamentos mais barato para as empresas do que os demais.

Veja tudo sobre o Pix para empresas – suas vantagens, usos, como vai funcionar, etc.

Fique por dentro das novidades do Pix e do Pix no Nubank

4.64

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post