Complete abaixo para pedir sua NuConta e seu cartão de crédito

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Negócio O que é CNPJ? Como abri...

O que é CNPJ? Como abrir um para sua empresa?

Entenda o que é CNPJ, o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica, e veja como abrir um para sua empresa ou organização.

Se você está pensando em começar (ou formalizar) um negócio, provavelmente já deve ter visto a sigla CNPJ por aí. Afinal, toda empresa precisa ter um. Mas, afinal, o que é CNPJ? Por que ele é importante? Como abrir um?

O que é CNPJ?

CNPJ é a sigla para Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica. É a forma como a Receita Federal identifica empresas e organizações e acompanha suas movimentações financeiras.

É fácil entender o que é CNPJ se pensarmos no CPF, o Cadastro de Pessoa Física. Todo cidadão brasileiro precisa ter um. É com ele que abrimos uma conta, pedimos um cartão de crédito, fazemos cadastro em uma loja virtual, declaramos o imposto de renda, entre diversas outras coisas.

Também é com o CPF que a Receita Federal consegue saber que existimos, identificar nossas transações e encontrar possíveis irregularidades.

De forma simples, o CNPJ é o CPF das empresas. Com esse cadastro, a Receita acompanha as transações financeiras das pessoas jurídicas e verifica se elas estão pagando os tributos da forma correta.

Quem precisa ter um CNPJ?

Além das empresas (independentemente do porte), o CNPJ também é obrigatório para formalizar:

  • Associações;
  • Organizações Não Governamentais (ONGs);
  • Sindicatos;
  • Igrejas;
  • Partidos políticos;
  • Condomínios;
  • Fundos de investimento;
  • entre outros.

Basicamente, qualquer organização que recebe dinheiro precisa estar cadastrada como Pessoa Jurídica e ter um CNPJ.

Que informações constam no CNPJ?

Apesar de todo mundo conhecer o CNPJ como um número de 14 dígitos, o cadastro é composto por diversas informações. São elas:

  • Número de inscrição (conhecido como o número do CNPJ);
  • Data de abertura;
  • Nome Empresarial (o nome jurídico da empresa);
  • Nome Fantasia (o nome pelo qual todo mundo conhece a empresa);
  • Descrição das atividades econômicas (principal e secundárias);
  • Código e descrição da natureza jurídica (por exemplo, Sociedade Anônima Fechada);
  • Endereço;
  • Contato;
  • Situação cadastral (ativa ou inativa).

Caso alguma dessas informações mude ao longo dos anos, o número de inscrição continuará sendo o mesmo.

Na página da Receita Federal é possível consultar as informações de qualquer empresa a partir do número do CNPJ.

Por que o CNPJ é importante?

Pode parecer só mais uma burocracia, mas ter um CNPJ é a única forma de formalizar um negócio (ou outro tipo de organização) e comprovar que a empresa é real perante o governo, clientes e fornecedores.

Além disso, somente com CNPJ é possível:

  • Emitir nota fiscal;
  • Contratar fornecedores;
  • Abrir conta de pessoa jurídica;
  • Pegar um empréstimo ou fazer um financiamento para a empresa;
  • Participar de licitações do governo;
  • Contratar funcionários CLT;
  • Fazer compras técnicas e de grande escala com desconto.

Também é importante lembrar que muitas empresas só contratam fornecedores pessoa jurídica – ou seja, que têm um CNPJ. Ter o cadastro, portanto, é uma forma de fechar contratos maiores para o seu negócio.

Como abrir um CNPJ para sua empresa?

Agora que você já sabe o que é CNPJ e por que esse cadastro é importante, está na hora de entender como abrir um para sua empresa ou organização. Veja como abaixo:

1. Descubra o porte da sua empresa

O primeiro passo para abrir um CNPJ é saber qual o porte de sua empresa. São eles:

  • Microempreendedor Individual (MEI): para profissionais autônomos que se enquadrem em alguma das atividades autorizadas e faturem até R$81 mil por ano;
  • Microempresa (ME): empresas com faturamento bruto anual de até R$360 mil;
  • Empresa de Pequeno Porte (EPP): negócios que faturam entre R$360 mil e R$4,8 milhões por ano;
  • Demais: geralmente empresas maiores com pelo menos dois sócios.

Entenda tudo sobre portes de empresa aqui

Para quem é MEI, todo o processo de abertura do CNPJ pode ser feito pelo Portal do Empreendedor. Ao finalizar o processo, o cadastro de pessoa jurídica é gerado automaticamente.

Já para os outros portes de empresa, é necessário seguir os passos seguintes.

2. Defina os detalhes do seu negócio

Depois de definido o porte da empresa, é importante entender outros detalhes do negócio, como a natureza jurídica (Empresário Individual, Sociedade Limitada, Sociedade Anônima) e o regime tributário (Simples Nacional, Lucro Presumido, Lucro Real etc.).

Nesta etapa, também é essencial definir a área de atuação da empresa com base na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE). É isso que mostrará quais tipos de atividades o negócio vai exercer.

Essas informações são necessárias para elaborar o Contrato Social, documento obrigatório na abertura do CNPJ.

3. Elabore o Contrato Social

Para abrir um CNPJ, a primeira coisa a se fazer é elaborar o Contrato Social: a certidão de nascimento de uma empresa ou organização.

É nesse documento que estão os dados essenciais do negócio, como quem são os sócios, quais as configurações jurídica e tributária, qual o capital social, qual o endereço da sede, quais os deveres de cada fundador com a empresa, qual o ramo de atuação, entre diversas outras informações.

4. Separe os documentos 

Com o Contrato Social pronto, é preciso registrá-lo na Junta Comercial – que é o órgão responsável pelo registro de atividades ligadas a sociedades empresariais. O documento precisa estar assinado pelos sócios e por duas testemunhas.

Além do Contrato Social, também é necessário levar:

  • Documento de identidade dos sócios (original e cópia) e CPF ou Carteira de Habilitação;
  • Comprovante de residência;
  • Carnê do IPTU do lugar onde a empresa funcionará;
  • Contrato Social;
  • Comprovante de pagamento das taxas DARE e DARF. 

5. Entre com o pedido na Receita Federal

Com tudo isso feito, basta entrar com o pedido de abertura do CNPJ na Receita Federal. Isso pode ser feito pela internet ou presencialmente.

Pensando em abrir uma conta PJ para sua empresa?

Há alguns meses, o Nubank começou a testar um novo produto: a conta PJ, uma conta digital focada em pequenos negócios que precisam de menos burocracia no seu dia a dia.

Para saber mais sobre a conta PJ do Nubank e entrar na lista de espera, clique aqui!

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

Digite seu nome

Quero receber a newsletter