Complete abaixo para pedir sua NuConta e seu cartão de crédito

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Viagens e Pontos Dicas para economizar na...

Dicas para economizar na viagem de fim de ano

Para além da pesquisa de passagens e hospedagens baratas, há várias atitudes que podem baratear sua viagem.

Você piscou e 2019 já está em suas últimas semanas. Época de festa, presente, happy hour e viagem de fim de ano – e, sim, ainda dá tempo de se programar nessa reta final para viajar sem gastar rios de dinheiro. Veja algumas dicas para economizar de verdade.

Importante: foco e planejamento são essenciais não só na hora de organizar, mas também ao longo de toda a viagem. Além disso, adequar o roteiro às suas condições financeiras atuais é a melhor forma de aproveitar tudo sem precisar passar nenhum perrengue.

Como planejar uma viagem barata nesse fim de ano?

O primeiro passo para conseguir definir bem seus objetivos e limites é organizar o seu orçamento disponível.

De onde virá o dinheiro de sua viagem? Ele poderá vir de um valor guardado ou bonificação, do seu 13º, de alguma outra renda extra ou até mesmo do seu próprio salário de fim de ano.

Também na onda de dicas para economizar, selecione alguns gastos que podem ser cortados nesse e nos próximos dois meses, abrindo espaço na fatura para despesas da viagem.

Leia mais:

5 erros comuns que encarecem sua viagem

Mochileiros experts dividem suas dicas para baratear a viagem

Pense no modelo ideal da sua viagem

Fazer uma boa pesquisa é uma das dicas mais importantes para economizar na viagem. No entanto, antes de buscar destinos ou hospedagens, é importante avaliar qual modelo ideal de viagem você procura.

Para isso, leve alguns fatores em consideração:

  • A viagem será em família, casal, com amigos ou sozinho?
  • Quantos dias você tem disponível?
  • Qual tipo de transporte será utilizado? Carro, avião, ônibus?
  • Qual o estilo de viagem desejado? Radical, explorador, tranquilo, romântico?

Ao responder essas perguntas, você poderá filtrar melhor sua pesquisa e encontrar as melhores condições e ofertas disponíveis.

Quanto mais detalhista na avaliação, mais assertiva será a sua escolha e mais fácil será colocar as dicas para economizar em prática sem fugir do foco.

6 dicas para economizar durante sua viagem

1. Levante as atrações gratuitas

Elas existem – e aos montes! Portanto, comece o roteiro da viagem buscando os passeios, atividades e eventos gratuitos. Em seguida, pesquise bem as atrações pagas que estão na sua lista de desejos, já que elas também podem ter dias ou horários não pagos – é o caso da maioria dos museus, por exemplo.

Além de gerar um bom panorama do destino e de tudo que ele pode oferecer, esse planejamento ajuda a rechear o roteiro primeiro com aquilo que é realmente econômico – só depois, ao preencher as lacunas do itinerário, é que virão as atividades pagas.

2. Escolha bem o tipo de hospedagem

Nos sites agregadores de hospedagens é possível comparar diferentes opções e escolher pela mais barata dentro de seus requisitos – como estrutura, localização e serviços. Além disso, a maioria das plataformas permite ativar notificações para quando o preço baixa.

Por isso, pesquise muito antes de tomar sua decisão final. Ao optar por fazer suas próprias refeições, por exemplo, você pode escolher uma opção mais barata que não ofereça café da manhã, almoço ou jantar.

Esse também é o momento de olhar para a quantidade de pessoas que vão viajar – para grupos grandes, por exemplo, pode ser mais econômico alugar uma casa do que ir para um hotel.

3. Considere os prós e contras de cada tipo de transporte

Dependendo da distância do destino, ir de ônibus pode valer mais a pena que de avião, mesmo levando em consideração o tempo tomado – lembre-se que esperar no aeroporto também faz parte do trajeto. Aluguéis de carros também podem ser vantajosos para viagens em grupo.

Agora, se o plano for voar, aproveite as plataformas de comparação de preço e as promoções para conseguir passagens mais baratas. Caso participe de programas de pontos e milhas, não se esqueça de conferir se há opções de descontos em passagens aéreas disponíveis.

Leia mais:

Como funcionam (e quando valem a pena) as companhias low cost?

Como calcular os custos de uma viagem de carro?

6 custos escondidos na passagem para ficar de olho

4. Anote todos os gastos

Outra forma de controlar o orçamento e fazer valer todas as dicas para economizar é anotar cada despesa ao longo da viagem.

Seja pelo celular, computador ou de forma manual, manter tudo por escrito vai te dar visibilidade de quanto já gastou.

Além disso, as anotações poderão ajudar na hora de tomar decisões. Se você conseguiu economizar além do necessário e sobrou uma graninha, por exemplo, poderá se presentear no final da viagem com um restaurante ou atração mais caros.

5. Seja flexível com refeições

Com pouco planejamento, curtir a gastronomia local pode pesar bastante nos custos da viagem.

Restaurantes próximos a atrações turísticas, por exemplo, sempre serão mais caros que os demais locais. Para evitá-los, faça uma pesquisa em aplicativos de bons lugares para comer ou peça recomendações para moradores da região.

Se já está com o passeio planejado, basta expandir a busca no mapa para algumas quadras de distância da atração.

Busque preparar pelo menos uma refeição por dia em vez de comer fora. Comprar produtos no supermercado (assim como experimentar a comida de rua) não é só uma dica para economizar, mas também uma forma de interagir mais com a cultura de um lugar.

6. E lembre-se: nem só de destinos caros se faz uma viagem dos sonhos

Uma viagem não é mais ou menos especial só por ser cara. Com pesquisa e organização, dá para curtir bem até mesmo um destino vizinho à sua cidade. Aproveite essas dicas para economizar e dê uma escapada que cabe no orçamento!

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.