Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Organizar as Finanças Não me perturbe dos ban...

Não me perturbe dos bancos: o que é e como se inscrever

O serviço, conhecido por bloquear ligações indesejadas de empresas de telemarketing, agora vale também para instituições financeiras que tentam oferecer crédito consignado.

Já teve seu dia interrompido por uma ligação oferecendo um serviço ou produto que você não quer? A resposta é provavelmente “sim”: segundo a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça, 92,5% dos brasileiros recebem esse tipo de contato indesejado.

Foi com o intuito de melhorar esse problema que surgiu o Não me Perturbe, uma plataforma para regular o telemarketing – e que, agora, também inclui bancos e instituições financeiras.

O que é o Não me Perturbe?

O Não me Perturbe foi criado como uma iniciativa de autorregulação das empresas de telecomunicações, conhecidas como principais utilizadoras do recurso de telemarketing – no fim de 2019, quatro delas estavam no top 5 do ranking do Procon-SP, que listou as empresas que mais incomodavam os clientes com esse tipo de prática.

Basicamente, o Não me Perturbe é um cadastro no qual qualquer pessoa pode se inscrever para bloquear ligações indesejadas das empresas participantes.

No início de 2020, ele passou a integrar também instituições financeiras que entram em contato para oferecer crédito e empréstimo consignado.

A iniciativa pretende diminuir a insistência típica dessa tática de marketing – o mesmo levantamento da Senacon identificou que 65% dos entrevistados dizem receber até 10 ligações por semana. 

No Não me Perturbe dos bancos estão 31 instituições financeiras, que podem ser verificadas no site da plataforma. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), uma das responsáveis pela inclusão, elas representam 98% do volume da carteira de crédito consignado no Brasil.

Vale lembrar: o Nubank não faz telemarketing para oferecer seus produtos. Desconfie sempre de ligações pedindo dados confidenciais ou senhas. A gente conta aqui algumas maneiras de se prevenir contra golpes.

O que é crédito consignado?

O consignado é um tipo de empréstimo cujas parcelas são descontadas diretamente da folha de pagamento ou do benefício da previdência.

Esta é considerada uma modalidade menos arriscada para quem empresta o dinheiro, já que há uma fonte fixa de renda e o pagamento é automático.

Por esse motivo, ele costuma ter juros mais baixos e está cada vez mais popular – de acordo com o Serasa Experian, de janeiro a setembro de 2019 as concessões de crédito consignado foram de mais de R$ 190 bilhões, 36% a mais do que no mesmo período em 2018.

Veja mais: Cuidados para tomar antes de contratar um empréstimo consignado

Como se cadastrar no Não me Perturbe dos bancos

A partir de agora, quem quiser bloquear ligações dos bancos e instituições cadastrados para não receber ofertas de crédito consignado pode se inscrever no site do Não me Perturbe.

O processo é simples:

  1. Na primeira página do site, clique em “solicitar bloqueio”;
  2. Crie um cadastro e faça o login;
  3. Escolha o número de telefone;
  4. Selecione as empresas que deseja bloquear;
  5. Insira o código de segurança enviado por SMS para confirmar.

A partir disso, o prazo é de até 30 dias e o bloqueio vale por um ano.

Quer saber mais sobre empréstimos? A gente conta aqui:

Quando vale a pena pedir um empréstimo?

Tipos de empréstimo: quais existem e como escolher o melhor?

Como se planejar para pagar um empréstimo pessoal

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post