Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Complete os campos ao lado para pedir sua Conta e Cartão de crédito

Agora complete abaixo para pedir sua conta e cartão de crédito

Precisamos de um CPF válido
Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu e-mail. Precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Cartão com tarja magnéti...

Cartão com tarja magnética: como funciona essa tecnologia

Apesar de cartões com chip e pagamentos por aproximação serem mais comuns hoje em dia, as vias com tarja magnética ainda existem e são utilizadas. Saiba como funcionam.



A maioria dos cartões – seja de crédito ou de débito – possui tarja. Pagar dessa forma era frequente até um tempo atrás. No entanto, com o surgimento dos pagamentos por aproximação e por meios digitais, passar a tarja magnética na maquininha de cartão deixou de ser uma prática comum – porém ainda existente.

Mas você sabe como ela funciona?

Como funciona um cartão com tarja magnética?

Os cartões com tarja magnética surgiram em 1977, no período em que cada banco passou a emitir seu próprio cartão. A tarja preta fica na parte de trás do cartão, é magnetizada e feita com partículas de metal. Vale dizer que ela não guarda informações pessoais do dono do cartão mas, sim, armazena dados de segurança do próprio cartão.

Diferentemente dos chips, o cartão com tarja magnética não pede senha para concluir a transação. Para finalizar a compra, basta passar a tarja na maquininha e assinar o recibo – o que pode facilitar a ação de criminosos que falsificam assinaturas.

Cartão de crédito: como funciona

Qual a diferença entre cartão com chip e cartão com tarja?

Mesmo com o crescimento do uso de pagamentos por aproximação e carteiras digitais, o uso do chip e, em alguns casos, da tarja magnética, ainda são comuns. 

Mas você sabe a diferença entre um e outro?

O chip é um microprocessador, capaz de armazenar dados e criptografá-los de forma segura (transformá-los em códigos difíceis de serem interpretados), e obriga a digitação de um código de segurança ou senha para confirmar o pagamento. O leitor de cartão interpreta esses dados, confirma no sistema para, então, finalizar o pagamento.

Já a tarja magnética reúne as informações e, para concretizar o pagamento, algumas empresas recomendam que o vendedor compare a assinatura no verso do cartão (caso esteja assinado) à assinatura no comprovante de venda. Outras apenas orientam que o cliente digite o código de segurança (CVV) para concluir a compra.

Caso ocorra falha no chip, a tarja magnética é uma alternativa de pagamento.

Fim de uma era

Em agosto de 2021, a Mastercard – bandeira do cartão Nubank – anunciou que irá eliminar as tarjas magnéticas dos cartões, sendo a primeira rede de pagamentos a fazer isso. 

Tanto os cartões de crédito quanto os de débito emitidos não precisarão ter a tarja a partir de 2024. O objetivo é que em 2033, nenhum cartão da empresa possua tarja.

De acordo com o comunicado, a decisão tem a ver com “a mudança de hábitos dos consumidores para pagamentos e para o desenvolvimento de novas tecnologias. Os cartões com chip de hoje são alimentados por microprocessadores que são muito mais capazes e seguros, e muitos também são integrados com pequenas antenas que permitem transações sem contato”.

Leia também:

Contactless: como fazer pagamento por aproximação com o Nubank

O que é e como funciona uma carteira digital?

Como fazer pagamento por aproximação com o celular?

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

4.8

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post