Quais cuidados você deve ter ao compartilhar sua chave do Pix?

8 de fevereiro de 2021

Usar uma chave do Pix para fazer transferência é um jeito de agilizar transações -- mas é necessário ter cuidado.

Recentemente, histórias de gente que tem usado o Pix para flertar e outros jeitos inusitados chamaram a atenção das pessoas – e do próprio Banco Central. O motivo: compartilhar chaves do Pix com estranhos ou de forma pública na internet tem alguns riscos.

A chave do Pix é um "apelido" para a conta em que você vai receber aqueles pagamentos – ela pode ser seu CPF, número de telefone, e-mail ou chave aleatória. Na hora que alguém fizer uma transferência, é só informar sua chave. Mas você não deve compartilhá-las em todo o lugar e com qualquer pessoa. A seguir, veja alguns cuidados que você deve tomar. 

O ambiente do Pix é seguro e criptografado -- você não precisa se preocupar com a segurança dos seus dados entre as transferências. Mas você deve tomar cuidado quando informa as chaves publicamente e para quem você informa – assim como já devia tomar cuidado no caso de TEDs e DOCs, por exemplo.

Não informe suas chaves do Pix publicamente

É importante ressaltar: isso não vale somente para as chaves do Pix. Compartilhar dados pessoais de qualquer tipo é algo que deve ser feito com cautela.

Phishing é um dos tipos de golpe mais comuns da internet. Ele é usado para roubar informações pessoais de usuários – como nome completo, CPF, números ou senhas de cartão de crédito. E ele é aplicado, normalmente, por golpistas fazendo contato fingindo ser uma empresa ou serviço conhecido.

Cuidado com o phishing

A chave aleatória é uma sequência de letras e números gerada automaticamente pelo aplicativo da sua instituição. Ela não consiste em nenhum dado pessoal – mas não existe, na prática, diferenças nas camadas de segurança dos diferentes tipos de chave.

E a chave aleatória?

De qualquer forma, a recomendação geral é de que a chave aleatória seja aquela compartilhada publicamente ou com muitas pessoas ao mesmo tempo, exatamente por ela não consistir de dados pessoais do usuário.

Cuidar dos seus dados é importante não só em relação ao Pix, mas no dia a dia e em todas as suas outras ações. Por isso, evite compartilhar as suas chaves na internet e em ambientes públicos e menos seguros.

Recomendações gerais

Nas palavras do BC, o Pix é um meio de pagamentos que, apesar de contar com muitas camadas de segurança, não está livre da tentativa de golpes. Evitar cair nessas armadilhas é importante.

O Pix é o novo meio de pagamentos do Banco Central. Com ele, é possível fazer pagamentos e transferências 24 horas por dia, sete dias da semana, de forma instantânea.

O que é o Pix, mesmo?