Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Organizar as Finanças Saque-aniversário do FG...

Saque-aniversário do FGTS já está liberado para nascidos em maio

Dinheiro pode ser sacado até 31 de julho – caso contrário, ele volta para o fundo de garantia do trabalhador.

Saque-aniversário FGTS nascidos em maio: fotografia de confetes coloridos caindo num fundo azul (Crédito: Jason Leung)

Nascidos em maio que optaram pelo saque-aniversário do FGTS já podem sacar o benefício – que fica disponível até 31 de julho. Caso o dinheiro não seja sacado, ele volta automaticamente para o fundo de garantia do trabalhador.

O saque-aniversário do FGTS – o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – foi anunciado em 2019 como uma nova modalidade para que trabalhadores possam sacar o benefício uma vez por ano.

Os saques começaram em 2020 e, em 2021, seguem um calendário de pagamento específico de acordo com a data de nascimento do contribuinte – por isso o nome saque-aniversário.

Saque-aniversário do FGTS: calendário de pagamentos para 2021

O calendário do saque-aniversário do FGTS segue a data de nascimento do trabalhador, que tem o mês de seu aniversário e os dois meses seguintes para sacar o benefício. Confira o calendário completo de 2021 abaixo:

Nascidos emPodem sacar o FGTS em 2021
JaneiroDe janeiro a março
FevereiroDe fevereiro a abril
MarçoDe março a maio
AbrilDe abril a junho
MaioDe maio a julho
JunhoDe junho a agosto
JulhoDe julho a setembro
AgostoDe agosto a outubro
SetembroDe setembro a novembro
OutubroDe outubro a dezembro
NovembroDe novembro a janeiro de 2022
DezembroDe dezembro a fevereiro de 2022
Fonte: Caixa Econômica Federal

Qual o valor do saque-aniversário?

O valor do saque-aniversário é calculado com base numa porcentagem do saldo total das contas – ativa e inativas – do FGTS de cada trabalhador. Quanto maior o saldo, menor o percentual que o contribuinte pode sacar.

Além disso, trabalhadores com mais de R$500 de saldo no FGTS podem sacar, além do percentual, uma parcela adicional fixa que varia de acordo com a soma total das contas.

Por exemplo: um trabalhador com R$1.500 de saldo no fundo de garantia vai poder sacar um percentual disso, 30% (R$450), mais uma parcela adicional de R$150. Ao todo, portanto, ele vai poder sacar R$600. Lembrando que o saldo é a soma de todas as contas, não os saldos individuais de cada uma delas.

Confira, abaixo, uma tabela com o percentual que pode ser sacado e o valor da parcela adicional de acordo com o saldo do FGTS.

Saldo do FGTSPercentual que  pode ser sacadoValor da parcela adicional
Até R$50050% do saldo totalNão tem parcela adicional
De R$500,01 até R$1 mil40% do salto totalR$50
De R$1.000,01 até R$5 mil30% do saldo totalR$150
De R$5.000,01 até R$10 mil 20%20% do saldo totalR$650
De R$10.000,01 até R$15 mil15% do saldo totalR$1.150
De R$ 15.000,01 até R$ 20 mil10% do saldo totalR$1.900
Acima de R$ 20.000,015% do saldo totalR$2.900
Fonte: Caixa Econômica Federal

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

3.75

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post