Pular navegação

Data Nubank: número de clientes que usam as Caixinhas triplicou em um ano

A sétima edição do estudo mostra que o crescimento também foi verificado entre aqueles que conquistaram o primeiro cartão de crédito com o Nubank, e confirma que o bem-estar financeiro vai além do acesso ao crédito.

Entre 2019 e 2023, quase 21 milhões de clientes conquistaram o primeiro cartão de crédito da vida com o Nubank. Da mesma forma que o cartão pode ser a porta de entrada de algumas pessoas ao sistema financeiro, ter acesso a soluções que ajudam a guardar dinheiro de uma forma simples e segura, como as Caixinhas, também é um ponto de partida para o mundo dos investimentos. 

E a 7ª edição do Data Nubank, pesquisa anual realizada para analisar o universo financeiro sob a ótica dos nossos clientes, mostrou isso: o número de clientes que usam as Caixinhas para poupar dinheiro triplicou entre dezembro de 2022 e dezembro de 2023. Ao todo, são 12,2 milhões de pessoas que usam a ferramenta. Esse crescimento também foi verificado entre a parcela dos clientes que tiveram acesso ao primeiro cartão de crédito com o Nu: em dezembro de 2022, 1,5 milhão usavam o recurso e, em dezembro de 2023, eram 4,8 milhões. 

De acordo com o Global Findex: o Brasil na comparação internacional, estudo sobre Educação, Proteção e Inclusão da Série Cidadania Brasileira do Banco Central “o acesso a produtos e serviços financeiros adequados, de baixo custo, compreensíveis e úteis, desenhados para atender às suas necessidades é essencial”. 

Ou seja, essa caminhada também inclui a capacidade de cobrir despesas extras e inesperadas, com a ajuda de crédito, por exemplo, e a disponibilidade de soluções que ajudam a poupar para o futuro, como as Caixinhas.  

A seguir, conheça as principais descobertas da edição de 2024 do Data Nubank. O objetivo do estudo deste ano é mostrar que, assim como a própria história de crescimento do Nubank, o caminho que promovemos em direção à inclusão financeira não se resume apenas à democratização do uso do cartão. 

Cartão e Caixinhas: acesso além do crédito 

A relação entre os clientes que tiveram o primeiro cartão de crédito com a gente e aqueles que começaram a guardar dinheiro por meio do Nubank foi avaliada para realizar o estudo. 

Os resultados mostram que, uma vez com acesso a serviços financeiros e a crédito, as pessoas passam a se interessar por outras ferramentas, em busca de uma vida financeira saudável e sustentável. 

Valor guardado aumentou quatro vezes 

Segundo o estudo, o valor aplicado pelos clientes do Nubank nas Caixinhas apresentou um aumento expressivo e quadruplicou ao longo de um ano, passando de R$ 6,4 bilhões, em dezembro de 2022, para mais de R$ 25 bilhões em dezembro de 2023. 

Além disso, os dados indicam que as Caixinhas são, de alguma forma, a introdução dos clientes do Nubank para o mundo dos investimentos. Isso porque, daqueles que passaram a investir em produtos do Nu todo mês, ao menos 70% usaram as Caixinhas como primeiro recurso para poupar. Esse cenário vem evoluindo e chegou a quase 90% no segundo semestre de 2023. 

Reserva de emergência e outras prioridades 

Entre os clientes analisados, as Caixinhas destinadas à preparação contra imprevistos lideram o ranking daquelas ativas em dezembro de 2023, com 32,8% nomeadas de “Reserva de Emergência” ou similares, independentemente da faixa etária ou região do país. 

No mesmo período, o Data Nubank levantou que havia mais de 1,6 milhão de nomes diferentes para as Caixinhas criadas no Brasil, indicando outras prioridades dos clientes, como metas de consumo (carro, moto, celular), moradia (apartamento, casa, reforma), lazer (viagem), carreira, estudo e outros objetivos. 

Colômbia e México: inclusão financeira com disciplina 

A 7ª edição do Data Nubank também analisou a evolução do Nubank na Colômbia e no México, e mostrou como a inclusão e o foco na saúde financeira estão progredindo nesses países. 

Quase três anos depois de lançar o cartão de crédito na Colômbia, em dezembro de 2023, o Nubank já estava em 92% dos municípios do país. 

Em relação ao México, no mesmo período analisado, o Nubank já estava em 98% dos municípios mexicanos, com números expressivos tanto em inclusão por cartão de crédito quanto em interesse pelas Caixinhas ("Cajitas"), com salto de 194 mil clientes para 1,1 milhão que adotaram o recurso desde o lançamento, em maio do mesmo ano. 

Sobre o Data Nubank 

O Data Nubank é a plataforma de pesquisas e análises sobre finanças do Nubank, uma das maiores plataformas de serviços financeiros digitais do mundo. Nossa missão é trazer informação confiável e relevante de forma objetiva e transparente para facilitar o entendimento de assuntos relacionados ao bolso dos brasileiros, usando dados exclusivos com base em levantamentos internos. 

Vale lembrar que os dados dos clientes usados para o estudo são sempre observados de forma agregada, nunca individualmente, seguindo as normas da Lei Geral da Proteção de Dados (LGPD).

Nesta 7ª edição, mostramos o papel do Nubank na construção de uma vida financeira mais saudável e sustentável a longo prazo. A partir de um retrato daqueles que tiveram acesso a seu primeiro cartão de crédito com a gente e que começaram a poupar dinheiro com a ajuda dos nossos produtos e serviços. 

Confira aqui o estudo completo. 

A primeira edição do Data Nubank foi divulgada em 2020. Abaixo, confira todos os estudos já feitos.

1ª Edição: Como o brasileiro usa o auxílio emergencial

2ª Edição: Digitalização financeira na pandemia

3ª Edição: Pix para que te quero: como as pessoas têm usado o Pix?

4ª Edição: MEI (Microempreendedor individual) e seu papel recente na economia

5ª Edição: Empreendedorismo feminino na pandemia

6ª Edição: Inclusão financeira: o acesso que transforma

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossaPolítica de Privacidade.Ao continuar a navegar, você concorda com essa Política.