Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Como obter o informe de ...

Como obter o informe de rendimentos do auxílio emergencial?

Para declarar o auxílio emergencial no Imposto de Renda 2021, é necessário ter em mãos o informe de rendimentos do benefício. Veja como fazer o seu download.

Quem recebeu o auxílio emergencial em 2020 pode ter que declarar esses valores no Imposto de Renda. A regra é: pessoas que receberam o benefício e tiveram mais de R$ 22.559,70 em rendimentos tributáveis ao longo do ano precisam declarar todos os valores do benefício recebido. 

Se este é o seu caso, você vai precisar obter o informe de rendimentos do auxílio emergencial — mas como?

Informe de rendimentos do auxílio emergencial: como baixar?

Segundo a Receita Federal, todo o processo para obter a documentação é online. Veja o passo a passo a seguir:

  1. O primeiro passo é acessar o site do Dataprev, onde é feita a consulta ao auxílio emergencial;
  2. Depois, preencher os dados de acesso: CPF, data de nascimento, nome completo e nome da mãe;
  3. Marque a opção “Não sou um robô” para autenticar a sua entrada no site;
  4. Na página seguinte, que mostrará as informações do auxílio recebido, é só clicar no link disponibilizado na seção “Informe de Rendimentos” para fazer o download do documento em pdf.

E pronto — ele estará no seu computador com todos os dados que devem ser declarados no imposto de renda.

Veja aqui o passo a passo da Receita para Declarar o Auxílio Emergencial no Imposto de Renda

Quem precisa declarar o auxílio emergencial no IR 2021?

Segundo a Receita, pessoas que, em 2020, receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 22.847,76 e, além desse valor, o auxílio emergencial, precisam declará-lo no IR e devolvê-lo. Isso vale para o auxílio recebido pelo próprio contribuinte quanto pelos seus dependentes, se houver algum.

Mas é importante ressaltar que, ainda que o auxílio emergencial seja um rendimento tributável, ele não deve ser incluído nos R$ 22.847,76. Ou seja: quem recebeu esse valor além do benefício deve declará-lo no IR e devolvê-lo.

Devolver o auxílio emergencial no IR 2021 — como vai funcionar?

O próprio sistema gerador da declaração do IR 2021 vai calcular automaticamente, a partir dos valores declarados, se é ou não necessário devolver o auxílio emergencial. Se for necessário, o sistema vai gerar um DARF, documento de arrecadação da Receita Federal emitido quando é necessário, por exemplo, que o contribuinte pague mais impostos. 

Isso vale tanto para o titular da declaração que recebeu o auxílio quanto apra seus dependentes, se houver — neste caso, será gerado um Darf para o titular e um Darf para cada dependente. A devolução do auxílio terá que ser feita à vista, sem parcelamento.

Veja mais sobre o Imposto de Renda 2021, suas regras e principais informações.

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank?Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

3.46

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post