Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Receita Federal lança a...

Receita Federal lança atendimento via Telegram para regularizar CPF

Agora, por um chat no Telegram da Receita, é possível atualizar dados, solicitar segunda via do documento, entre outras opções para regularizar seu CPF.

Como uma das medidas para evitar que os cidadãos se desloquem até uma unidade de atendimento presencial – principalmente durante a pandemia atual -, a Receita Federal criou um canal no Telegram e oferece serviços relacionados ao CPF (Cadastro de Pessoas Físicas).

O Telegram é um aplicativo de mensagens que permite enviar e receber conteúdos no seu celular, em forma texto, vídeo, áudio e imagem.

O que é possível fazer pelo Telegram da Receita Federal?

Primeiro é necessário baixar o Telegram no seu celular. Com a ferramenta é possível solicitar os seguintes serviços relacionados ao CPF:

  • Atualizar ou alterar dados pessoais;
  • Regularizar o documento;
  • Pedir segunda via;
  • Informação do número do CPF;
  • Consultar a situação cadastral;
  • Consultar ausência de DIRPF (Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física).

Para solicitar qualquer serviço, a pessoa deve acessar o canal “ReceitaFederalOficial” no Telegram, mandar uma mensagem e enviar os documentos e informações solicitadas. Assim, o órgão irá realizar uma análise do seu pedido e concluir o atendimento.

O novo canal utiliza chatbots, tecnologia de atendimento virtual que simula um conversa por meio de um chat. 

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post