Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro O que é home equity? Co...

O que é home equity? Como funciona?

Termo é usado para identificar o empréstimo com imóvel de garantia, comum em países da Europa e nos Estados Unidos.

Quando se fala de empréstimo, existem diversos tipos no mercado: empréstimo pessoal, empréstimo consignado, financiamento, empréstimo com garantia, entre outros. Um desses tipos é o “home equity”, ainda não muito conhecido ou comum no Brasil, mas que está em discussões do Banco Central para se tornar mais acessível. Mas, afinal, o que é home equity? Como ele funciona? 

Resumidamente, o home equity é uma modalidade de empréstimo com garantia que permite à instituição financeira cobrar juros mais baixos e possibilitar o pagamento em um prazo maior – já que, por contar com essa garantia, os riscos de inadimplência são mais baixos. 

Abaixo, entenda melhor como funciona essa operação de crédito e quais são as suas características.

O que é home equity?

Home equity é o termo em inglês para a modalidade de empréstimo com imóvel de garantia. Por ser mais comum em países da Europa e nos Estados Unidos, esse termo acabou sendo adotado também no Brasil. 

Ele funciona da seguinte forma: uma pessoa – ou empresa – que busca crédito em alguma instituição financeira aceita ceder um imóvel quitado e em seu nome à instituição como forma de garantia pelo crédito, mas somente até a operação ser quitada. 

Assim, o banco se torna dono do imóvel durante o período que a dívida existir – existe a transferência da propriedade para o nome do banco ou instituição. É um processo de alienação fiduciária, como explicamos aqui

Outra diferença do home equity para outras modalidades de empréstimo é que o valor emprestado pela instituição pode ser usado para qualquer finalidade – não é necessário especificar para quê o dinheiro será usado. Ao contrário de um financiamento, por exemplo, no qual o dinheiro emprestado precisa ter um destino específico. (Veja aqui sobre a diferença entre empréstimo e financiamento). 

Vale dizer também que o home equity pode ser contratado por pessoa física ou pessoa jurídica, contanto que tenha um imóvel quitado no nome ou razão social

Qual a vantagem do home equity?

Para quem contrata um empréstimo por essa modalidade, a vantagem é poder pagar taxas mais baixas e em prazos mais longos. Uma característica do home equity é que ele tende  a custar menos para as pessoas, dado que, por conta da garantia de imóvel, o risco que o banco assume ao conceder crédito é menor – e ele pode cobrar menos juros por isso.

Home equity e hipoteca – qual a diferença?

Ambas são tipos de empréstimo com imóvel de garantia. A grande diferença é que, no caso da hipoteca, o imóvel continua sob a propriedade e no nome de quem contratou o empréstimo, e não com a instituição.

Isso faz com que o risco assumido pela instituição ao conceder o empréstimo seja maior e, consequentemente, os juros sejam mais altos.

Vale lembrar que o conceito de hipoteca no Brasil é diferente do adotado em outros países, como os Estados Unidos. Por aqui, a hipoteca sempre foi a garantia usada no financiamento imobiliário; ela passou a ser menos usada depois de permitida e introduzida a alienação fiduciária no processo de empréstimo e financiamentos.

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

4.54

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post