Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Empreender Termos e siglas O que é um investimento...

O que é um investimento semente? E capital semente?

Destinado a empresas ou startups em estágio inicial, esse tipo de aporte pode ajudar um negócio a se estabelecer no mercado. Entenda.

Sabe aquela máxima de que não basta uma boa ideia para criar um negócio de sucesso? Também entram nesta equação a capacidade de tirá-la do papel, validá-la com consumidores e levantar o dinheiro necessário para colocar a empresa de pé e estabelecê-la no mercado – etapa em que um investimento semente pode ser crucial.

Quer entender como funciona esse tipo de capital de risco e qual a diferença para capital semente? Confira abaixo.

O que é um investimento semente? E capital semente?

Basicamente, investimento semente é um aporte financeiro realizado em uma empresa ou startup em estágio inicial. Já o capital semente (ou seed money, em inglês) é, justamente, o dinheiro investido.

E por que semente?

Porque, geralmente, esse tipo de investimento é destinado a empresas que ainda estão em desenvolvimento – ou seja, criando um produto ou serviço, fazendo pesquisa de mercado, montando plano de negócio, validando a ideia.

Um investimento semente também pode ser destinado a empresas que já têm um produto definido, clientes e faturamento, mas precisam de capital para crescer e se estabelecer no mercado.

Para quê serve um investimento semente?

A finalidade de um investimento semente varia de acordo com o estágio da empresa investida. 

Caso seja um negócio em desenvolvimento, o capital pode ser usado para financiar a operação enquanto o produto ou serviço é desenvolvido e validado no mercado – uma vez que o empreendimento ainda não gera receita.

Por outro lado, se a empresa já tiver um produto validado e gerar faturamento, o capital semente pode ser aplicado para acelerar o crescimento do negócio e estabelecê-lo no mercado.

Como funciona um investimento semente?

Um investimento semente é feito por fundos de investimentos. De forma geral, eles reúnem recursos de diversos investidores e aportam o dinheiro em mais de uma empresa – como são negócios em estágio inicial, essa é uma forma de diluir os riscos para quem investe.

Mas isso não é uma regra. Investimentos semente também podem ser feitos por fundos de empresas ou instituições.

Além do capital semente, também é comum que as empresas investidas recebam mentoria dos investidores – que compartilham seus conhecimentos, experiências e redes de contato. Por isso, esse investimento também é chamado de smart money – ou dinheiro inteligente, em português.

Geralmente, o objetivo dos investidores é ter um retorno financeiro positivo caso as empresas cresçam e recebam investimentos maiores, sejam compradas ou abram o capital na bolsa de valores.

Investimento semente x investimento-anjo: qual a diferença?

Investimento-anjo é um tipo de aporte no qual uma pessoa física usa capital próprio para investir em empresas novas com alto potencial de crescimento, segundo a Anjos do Brasil – organização sem fins lucrativos referência em investimento-anjo no país.

Já o investimento semente, como explicado acima, geralmente é realizado por fundos de investimentos em empresas em desenvolvimento ou que precisam de capital para expandir seu alcance e se estabelecer no mercado. 

Este texto faz parte da missão do Nubank de lutar contra a complexidade do sistema financeiro para empoderar as pessoas – físicas e jurídicas. Com a conta PJ, queremos ajudar donos de pequenos negócios, empreendedores e autônomos a focarem no que realmente importa. Saiba mais.

4.33

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post