Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Complete os campos ao lado para pedir sua Conta e Cartão de crédito

Agora complete abaixo para pedir sua conta e cartão de crédito

Precisamos de um CPF válido
Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu e-mail. Precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Auxílio emergencial: vej...

Auxílio emergencial: veja a situação de cada lote e parcela do benefício

Lote, parcela, data para uso digital, data para saque… Ficou confuso? Entenda o que já foi pago e o que ainda falta do auxílio emergencial.



O pagamento do auxílio emergencial começou no dia 9 de abril para os aprovados no Lote 1 e ainda está acontecendo, embora em ritmos e datas diferentes entre os beneficiários. Isso porque existem, hoje, quatro calendários diferentes – um para cada lote existente do auxílio emergencial, além dos cronogramas específicos para o bolsa família..

Essa divisão de lotes é montada a partir da data de aprovação do pedido para o auxílio emergencial, que determinou quando o beneficiário recebeu a primeira parcela de R$ 600. Em outras palavras, o lote em que uma pessoa está depende da data em que ela foi aprovada.

Dentro desses lotes, cada uma das parcelas é paga em uma data diferente e com dois calendários de uso:

  • Calendário de uso digital: permite que as pessoas paguem contas e boletos e façam compras com o cartão de débito virtual;
  • Calendário de saques e transferências: libera o dinheiro para sacar em espécie  e transferir para outras contas.

Por exemplo: se você foi aprovado para o auxílio emergencial no mês de abril, significa que você está no Lote 1. O seu lote recebe as parcelas em datas específicas e diferentes das do Lote 2 – além disso, cada uma é paga seguindo dois calendários, um primeiro de uso digital e um segundo de saques e transferências.

Considerando todas essas informações, datas, número de parcelas e lotes: qual a situação de cada um? Qual a situação do auxílio emergencial no geral?

Abaixo, veja como se encontra cada parcela, lote e as últimas novidades sobre o auxílio emergencial. E, lembre-se: este artigo será atualizado cada vez que um novo calendário for anunciado.

Auxílio prorrogado por mais dois meses

No dia 30 de junho, o governo confirmou que o auxílio emergencial foi prorrogado por mais dois meses e que serão pagas, portanto, duas novas parcelas de R$ 600 – totalizando cinco parcelas do auxílio. O calendário de pagamentos das duas últimas parcelas e outros detalhes, entretanto, ainda não foram divulgados.

Quais são os lotes?

Hoje, existem quatro lotes do auxílio emergencial, divididos pela data que os beneficiários foram aprovados no auxílio emergencial:

  • Lote 1: inclui os beneficiários que tiveram o pedido aprovado em abril;
  • Lote 2: inclui os beneficiários que tiveram o pedido aprovado em maio;
  • Lote 3: inclui os beneficiários que tiveram o pedido aprovado no começo de junho;
  • Lote 4: inclui os beneficiários que tiveram o pedido aprovado no final de junho;

Quais parcelas já foram pagas? Quais ainda faltam?

É mais fácil entender quais parcelas do auxílio emergencial já foram pagas a partir da divisão por lotes – afinal, eles definem quando os beneficiários receberam o primeiro pagamento de R$ 600. 

Veja abaixo as datas em que o pagamento foi feito na poupança digital da Caixa e quando iniciou o calendário de uso digital:

Lote 1

Parcelas que já foram pagas:

  • Primeira parcela: foi paga até o dia 30 de abril; saques e transferências já foram liberados;
  • Segunda parcela: foi paga durante o mês de maio; saques e transferências já foram liberados;
  • Terceira parcela: foi paga entre os dias 27 de junho e 4 de julho; saques e transferências começam no dia 18 de julho;

Parcelas que ainda não foram pagas:

  • Quarta parcela: sem data de pagamento definida.
  • Quinta parcela: sem data de pagamento definida.

Lote 2

Parcelas que já foram pagas:

  • Primeira parcela: paga em maio; saques e transferências já foram liberados;
  • Segunda parcela: pagamento começa no dia 27 de junho e vai até 4 de julho; saques e transferências começam no dia 18 de julho;

Parcelas que ainda não foram pagas:

  • Terceira parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quarta parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quinta parcela: sem data de pagamento definida.

Lote 3

Parcelas que já foram pagas:

  • Primeira parcela: paga em 16 e 17 de junho; saques e transferências já foram liberados;

Parcelas que ainda não foram pagas:

  • Segunda parcela: sem data de pagamento definida;
  • Terceira parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quarta parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quinta parcela: sem data de pagamento definida.

Lote 4

Parcelas que já foram pagas:

  • Primeira parcela: paga em 27 de junho e 4 de julho; saques e transferências começam dia 18 de julho;

Parcelas que ainda não foram pagas:

  • Segunda parcela: sem data de pagamento definida;
  • Terceira parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quarta parcela: sem data de pagamento definida;
  • Quinta parcela: sem data de pagamento definida.

E quem recebe o Bolsa Família?

Quem já estava cadastrado no Bolsa Família não foi incluído na divisão de lotes, já que não foi necessário fazer o pedido do auxílio emergencial – o benefício do Bolsa Família foi automaticamente substituído pelo auxílio no caso deste ser mais vantajoso.

As datas de pagamento não mudaram para essas pessoas: eles continuam sendo feitos nos últimos 10 dias de cada mês. Portanto:

Parcelas que já foram pagas:

  • Primeira parcela: paga entre os dias 16 e 30 de abril;
  • Segunda parcela: paga entre os dias 18 e 29 de maio;
  • Terceira parcela: paga entre 17 e 30 de junho;

Parcelas que não foram pagas:

  • Quarta parcela: será paga entre 20 de e 31 de julho;
  • Quinta parcela: será paga entre 18 e 31 de agosto.

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

3.5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post