Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Pix 92% das transações com...

92% das transações com Pix são transferências entre pessoas, aponta Data Nubank

Os dados do Data Nubank indicam que o Pix ainda é pouco usado em estabelecimentos comerciais.

Os brasileiros usam o Pix  majoritariamente para fazer transferências entre pessoas. Essa foi uma das descobertas do Data Nubank de março de 2020, que analisou o perfil e comportamento das pessoas na hora de usar o novo meio de pagamentos instantâneos do Banco Central.

O Data Nubank analisou dados entre os dias 11 de outubro de 2020 e 5 de janeiro de 2021. Nesse período, 92% das transações foram feitas entre pessoas – as chamadas P2P.

Fonte: Data Nubank

Considerando que as outras formas de pagar com Pix, como o QR Code, por exemplo, são mais comuns nos estabelecimentos comerciais, isso indica que o Pix ainda é muito pouco usado no comércio.

Pix por QR Code ainda é minoria

Uma das hipóteses para isso é que, com a pandemia, as transações online aumentaram e as físicas diminuíram.

Também podem interferir o fato de que os brasileiros ainda não são muito familiarizados com o uso de QR Code e que os usuários (tanto pessoa física quanto jurídica) ainda não se sentem tão à vontade fazendo outros tipos de transação com o Pix.

Afinal, as pessoas já eram acostumadas a fazer transferências entre si antes, mas não a pagar pelo mercado dessa forma.

Muitos estabelecimentos comerciais ainda preferem não oferecer essa forma de pagamento. Segundo a Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas, ainda existem dúvidas em relação a tarifas, por exemplo – como cada banco tem o seu próprio modelo de cobrança, a informação ainda não chega neles de maneira tão clara.

No Nubank, Pix é gratuito também para pessoa jurídica

Esse dado indica que ainda há muito espaço pra adoção do Pix no Brasil e o quanto ele ainda tem a evoluir.

Popularização do novo meio de pagamentos

O Pix hoje já ultrapassa TEDs e DOCs em volume e quantidade de transações mensais.

Ainda segundo o Data Nubank, ele é usado por pessoas de todas as faixas etárias e faixas de renda – os grupos com maior penetração são os de 18 a 30 anos de idade (cerca de 20%) e com receita declarada entre R$ 5 mil e R$ 10 mil por mês (19,1%).

Acesse o estudo completo para saber mais sobre o uso do Pix pelos brasileiros

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história.

5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post