Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Pix Cobrança: entenda a...

Pix Cobrança: entenda a função do Pix que substitui boletos

Lojistas, fornecedores e prestadores de serviços poderão gerar QR Codes de cobrança com informações mais complexas além do valor cobrado. Entenda o Pix Cobrança.

Uma alternativa do Pix ao boleto bancário foi anunciada pelo Banco Central nesta quinta-feira, 29 de outubro. É o chamado “Pix Cobrança”, que poderá ser usado por lojistas, fornecedores, prestadores de serviços e outros usuários: ele permitirá gerar um QR Code para pagamentos, sejam eles futuros ou imediatos.

Segundo o Banco Central, o QR Code do Pix Cobrança poderá ser emitido em pontos de venda e até e-commerces, por exemplo. 

A diferença dessa funcionalidade para a já prevista anteriormente no Pix, de gerar QR Codes para receber pagamentos, é exatamente a possibilidade de incluir mais informações além do valor da cobrança em si.

“Neste caso, é possível configurar outras informações além do valor, como juros, multa, descontos. É uma funcionalidade parecida com o que ocorre hoje com o boleto”, disse o Banco Central em nota

O QR Code do Pix Cobrança poderá ter uma data de vencimento ou limite, por exemplo, e permitirá a cobrança de juros e multa caso o pagamento seja feito após essa data. Essa deve ser a funcionalidade do Pix usada no pagamento de contas de luz, já anunciado pelo BC

O Pix Cobrança para pagamentos imediatos já estará disponível no lançamento do Pix, que acontece no dia 16 de novembro. Pagamentos futuros, com data de vencimento, serão oferecidos mais para frente.

O Banco Central ainda não divulgou detalhes mais específicos de como o Pix Cobrança vai funcionar. 

O que é o Pix, mesmo?

O Pix é o novo meio de pagamentos instantâneos do Banco Central, que será lançado no dia 16 de novembro. Com ele, será possível fazer pagamentos e transferências em até 10 segundos e com maior disponibilidade – 24 horas por dia, sete dias da semana.

Ele estará disponível tanto para pessoa física quanto pessoa jurídica e é uma alternativa a TED, DOC e boletos.

Saiba tudo sobre o Pix. 

4.09

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post