Cédulas, moedas e objetos históricos: conheça o Museu do Dinheiro

10 de janeiro de 2021

Localizado em Lisboa, o museu é aberto ao público e mostra a evolução do dinheiro no mundo.

Inaugurado em 2016 e localizado na antiga igreja S. Julião, o museu tem um rico acervo de objetos, imagens e relatos sobre o dinheiro.

O que é o Museu do Dinheiro?

Ora Pois, você não precisa ir até Portugal…

Veja a seguir uma prévia do Museu do Dinheiro e suas curiosidades.

No Museu do Dinheiro é possível visitar núcleos temáticos e encontrar artigos escritos, cédulas, moedas, vídeos e objetos como máquinas e chapas de impressão, que contam a história do dinheiro ao longo dos séculos.

Senta, que lá vem história

O visitante também pode interagir: tocar em uma barra de ouro, verificar se o dinheiro que tem em mãos é  de verdade e até criar e imprimir uma moeda e nota com seu rosto.

Ao todo, são nove núcleos, nomeados com verbos que refletem a experiência que as pessoas vão ter durante a visita.

No núcleo FABRICAR, por exemplo, além de descobrir minérios, máquinas, chapas de impressão e esboços impressos nas moedas e nas notas, também é possível testar se o dinheiro que o visitante tem no bolso é mesmo de verdade. Imprimir virtualmente uma moeda e uma nota com seu rosto e ainda fazer um pedido no “poço dos desejos” fazem parte da interação.

Já no núcleo TOCAR, o visitante pode tocar uma barra de ouro, com a porta da antiga casa forte em volta.