Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Saque do Pix começa em ...

Saque do Pix começa em 2021

O Pix, novo sistema de pagamentos, começa este ano - mas o Saque Pix, que poderá ser feito em lojas, começa apenas no ano que vem.

O Pix, o novo meio de pagamentos instantâneos do Banco Central, será lançado este ano – porém, os saques de dinheiro espécie usando o Pix vão entrar em vigor somente no primeiro semestre de 2021. 

A novidade sobre os saques foi divulgada pelo diretor do Banco Central, João Manoel Pinho de Mello no dia 20 de agosto durante um webinar. 

No mês de junho, o Banco Central anunciou que o Pix possibilitaria, além das transferências e pagamentos instantâneos, o saque em espécie em lojas físicas de redes varejistas – isto é, que não façam parte do setor bancário. 

Saiba tudo sobre o Pix. 

O Saque Pix

A ideia é que o saque funcione da seguinte maneira: 

  • o usuário do Pix vai até o caixa de uma loja varejista e informa o quanto quer sacar em espécie usando o Pix. 
  • Quem está cuidando do caixa e realizando o atendimento deverá gerar um QR Code do Pix e mostrar ao cliente, que fará a leitura desse código usando seu celular. 
  • Depois disso, ele recebe esse mesmo valor em espécie.

Em outras palavras: para sacar em espécie usando o Pix, o cliente faz um pagamento usando o QR Code e recebe o mesmo valor em espécie. O dinheiro sai da sua conta digital e você passa a tê-lo em notas físicas. 

O que é o Pix?

O Pix é um novo meio de pagamentos instantâneos do Banco Central que tem o objetivo de facilitar e tornar mais baratas as transferências entre pessoas e o pagamento de contas.

A grande diferença do Pix para outros meios de pagamentos é a rapidez e disponibilidade do Pix: enquanto hoje há restrições de dias e horários para transferir por meio de TED e DOC e realizar pagamentos de contas, o Pix permitirá que elas sejam realizadas a qualquer dia e horário – mesmo aos finais de semana e feriados – e de forma gratuita para o usuário PF.

Além disso, para transferir para contas de outras instituições não será necessário todos os dados pessoais e bancários que hoje são usados para fazer uma transferência, mas somente uma chave Pix – que poderá ser número de telefone, CPF ou e-mail.

O Pix não substitui boletos, TED e DOC, mas é uma alternativa para transferir e fazer pagamentos.

Ele começa a funcionar oficialmente, para todos os usuários, no dia 16 de novembro e todos os bancos e fintechs com mais de 500 mil contas ativas deverão se adequar, até esta data, para oferecer e receber o serviço. 

A partir do dia 5 de outubro, já será possível registrar suas chaves Pix em uma instituição financeira.

Fique por dentro das novidades do Pix no Nubank

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Ainda não conhece o Nubank? Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

4.95

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post