26 de novembro de 2020

O que fazer com seu 13º salário?

Fim do ano chegando e, com ele, o 13o salário.

Natal, Ano Novo, IPVA, IPTU, Imposto de Renda, dívidas acumuladas... São tantos gastos e a pergunta pode surgir: o que fazer com essa bonificação?

Veja algumas dicas a seguir.

Quitar as dívidas

A boa notícia para quem está endividado é que essa renda extra ajuda a cobrir um bom pedaço dos débitos. Ou seja: para muitas pessoas, quitar de vez as dívidas, ou pelo menos boa parte delas, é sim possível com o valor recebido do 13o salário.

Reservar uma quantia

Se sobrar dinheiro, é importante criar uma reserva de emergência, que é aquela quantia que você tem caso alguma coisa aconteça. Você não sabe exatamente quando vai usar, então, ela precisa estar guardada e com acesso imediato, para arcar com algum imprevisto.

Não tem resposta exata para isso. Como falamos antes, o fim de ano é um período de muitas despesas e o 13º salário pode ser uma maneira de gastar sem fazer parcelas no cartão de crédito. Mas, para o bem do seu controle financeiro, é recomendável que você se esforce para guardar ao menos uma parte do 13º. Pode ser para sua reserva de emergência, se não tiver uma montada, ou até para um projeto a longo prazo, como uma viagem. Lembre-se: o 13º é uma gratificação pelo trabalho duro que você realizou ao longo de um ano inteiro; vale a pena poupar parte dele para investir em você mesmo. Importante: se você está endividado, o pagamento do 13º é uma oportunidade ótima de quitar essa pendência. Mesmo que ele não cubra o total, é uma ótima moeda para adiantar pagamentos e negociar com a instituição credora.

Não tem resposta exata para a pergunta: o que fazer com o 13º salário. Porém, fim de ano é um período de muitas despesas e o 13º pode ser uma maneira de gastar sem fazer parcelas no cartão de crédito. Importante: se você está endividado, o pagamento do 13º é uma ótima oportunidade de quitar essa pendência.

Resumindo...

Se possível, guarde ao menos uma parte desse dinheiro. Lembre-se que o 13º é uma gratificação pelo trabalho duro que você realizou ao longo de um ano; vale a pena poupar parte dele para investir em você.