Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Empreender MEI Valor do DAS MEI vai sub...

Valor do DAS MEI vai subir em 2022. Veja quanto fica

O reajuste foi feito para acompanhar o aumento do salário mínimo, e passa a valer para os boletos que vencem a partir de 20 de fevereiro. Entenda os detalhes.



DAS MEI: imagem de uma calculadora branca com rosa escuro e fundo rosa simbolizando um cálculo de DAS MEI. Foto: Freepik

Com o aumento do salário mínimo – reajustado em 1º de janeiro de 2022 de R$ 1.100 para R$ 1.212 – as contribuições mensais de microempreendedores individuais (MEI) também sofrerão reajuste. O valor do Documento de Arrecadação Simplificada do MEI (DAS MEI) vai subir para R$ 60,60, um aumento de 10,18% em relação aos R$ 55 vigentes. 

O aumento no valor do DAS MEI é referente ao recolhimento de contribuição previdenciária (INSS) e tem um percentual fixo de 5% sobre o salário mínimo. Ou seja, toda vez que acontece um aumento no mínimo, cresce também o valor da contribuição.

Ganhe controle sobre suas finanças: assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo.

Saiba mais detalhes sobre a composição de valores do DAS MEI aqui.

Quando o aumento da DAS MEI passa a valer?

O novo valor só vai passar a valer a partir do dia 20 de fevereiro de 2022, quando começam a vencer os boletos referentes ao mês de janeiro. Os pagamentos de janeiro de 2022 continuam sendo de R$ 55, por serem referentes ao mês de dezembro de 2021 – e, portanto, anterior ao reajuste.

O valor dos impostos permanece igual?

Sim. Além dos 5% do salário mínimo destinados ao INSS, no documento DAS MEI estão incluídos impostos, que para o setor de comércio e indústria é o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e para o setor de serviços é o Imposto sobre Serviços (ISS). Estes impostos ainda não vão sofrer reajuste, porque é necessária uma nova lei para reajustá-los. Ou seja, o ICMS continua custando R$ 1 e o ISS R$ 5.

Assim, os valores do DAS MEI ficam distribuídos da seguinte forma:

  • R$ 61,60 para empresas do Comércio ou Indústria (R$ 60,60 de INSS + R$ 1 de ICMS);
  • R$ 65,60 para Prestação de Serviços (R$ 60,60 de INSS + R$ 5 de ISS);
  • R$ 66,60 para Comércio e Serviços (R$ 60,60 de INSS + R$ 1 de ICMS + R$ 5 de ISS).

A única exceção desses valores é da MEI caminhoneiro, que têm regras próprias de tributação.

Saiba mais sobre MEI. Leia também:

MEI caminhoneiro: o que é e como funciona?

5 principais dúvidas sobre MEI respondidas

Este texto faz parte da missão do Nubank de lutar contra a complexidade do sistema financeiro para empoderar as pessoas – físicas e jurídicas. Com a conta PJ, queremos ajudar donos de pequenos negócios, empreendedores e autônomos a focarem no que realmente importa. Saiba mais.

3.78

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post