Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início O Nubank Pix é usado por cliente...

Pix é usado por clientes de todas as idades, aponta Data Nubank

Estudo mostra que novo meio de pagamentos do banco Central é usado por todas as faixas etárias - e tem maior penetração entre clientes do Norte e Centro Oeste.

O Pix, meio de pagamentos do Banco Central lançado em novembro do ano passado, é instantâneo e totalmente digital. A expectativa do mercado era de que, inicialmente, ele fosse adotado pelo público mais jovem e adepto à tecnologia — mas, na prática, todas as faixas etárias já estão aderindo ao Pix.

Dados da última edição do Data Nubank apontam que clientes do Nubank de todas as faixas etárias usaram o Pix ao menos uma vez no período de análise, incluindo os idosos. A penetração entre os clientes com mais de 60 anos foi de 3,3%.

De fato, o novo meio de pagamentos é mais popular entre pessoas entre 18 e 30 anos: os usuários do Pix correspondem a 20,2% do total de clientes do Nubank dessa faixa etária. Em seguida vêm clientes com 30 a 40 anos, que correspondem a 15% do total de clientes nesta faixa de idade, e por fim 40 a 50 anos, com penetração de 9,7%.

Pix tem maior penetração no Centro-Oeste e Norte

O Data Nubank avaliou o uso do Pix entre clientes de todo o país e constatou que, a penetração de uso do novo meio de pagamentos é maior entre os usuários das regiões Centro-Oeste e Norte, de 20,2% e 19,6%, respectivamente.

Ou seja: do total de clientes do Nubank na região Centro-Oeste, 20,2% deles usam o Pix; na região Norte, 19,6% são usuários.

Por hora, o Pix pode ser usado somente em território brasileiro. Transferências internacionais ainda não podem ser feitas com o Pix, mas essa é uma funcionalidade que está no radar do Banco Central.

Mais informações sobre quem são os usuários do Pix e como eles usam estão no estudo completo do Data Nubank, “Pix, pra quê te quero?”. Você pode acessá-lo aqui.

3.5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post