Pedir Conta e
Cartão de Crédito

em menos de 1 minuto
e grátis

Precisamos seu nome completo. Precisamos seu nome completo.
Precisamos do seu CPF Precisamos de um CPF válido
Precisamos do seu e-mail. Aqui precisamos de um email válido.
Ops. Está diferente do campo acima.
Para prosseguir, você deve concordar com as políticas de privacidade.

Início Seu Dinheiro Multa IR 2020: acabou o ...

Multa IR 2020: acabou o prazo de declaração, e agora?

É importante regularizar a situação o quanto antes. Multa para quem não entregou pode chegar a 20% do imposto devido.

O prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda 2020 terminou na terça-feira, 30 de junho. Aqueles que são obrigados a declarar e por algum motivo não o fizeram, estão em dívida com a Receita Federal e devem pagar multa.

O valor mínimo da penalidade por atraso no envio é de R$165,74, e pode atingir até 20% do imposto devido. Por isso, é importante que o contribuinte regularize a situação o quanto antes.

Como é calculado o valor da multa?

Se o contribuinte não declarou no prazo, terá que arcar com a multa mínima de R$165,74. Esse valor será descontado da restituição do IR a qual teria direito. Já para aqueles que terão que pagar o imposto de renda, a multa é de 1% ao mês sobre o valor do imposto devido, contado a partir de maio. O valor máximo é de 20% do imposto a ser pago.

Como assim pagar IR?

Se, no acerto de contas com a Receita, for identificado que você pagou mais imposto do que deveria ao longo do ano, essa parte “extra” da contribuição é devolvida para você. Caso contrário, terá imposto a pagar.

Como regularizar a situação?

Pelo programa da Receita Federal, é possível preencher e enviar a declaração do IR 2020. Ao emitir a declaração, o contribuinte irá receber  a “notificação de lançamento de multa” e a DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) da multa. Ele terá 30 dias para efetuar o pagamento e regularizar a situação.

O que é DARF mesmo?

DARF é a guia da Receita Federal para o recolhimento de impostos, taxas e contribuições embutidas em operações financeiras. Cada guia vale para um tributo diferente.

Para pessoas físicas, o DARF é utilizado principalmente para o pagamento de Imposto de Renda (IRPF) sobre investimentos que não têm o imposto retido na fonte – ações, por exemplo.

O que é DARF? Como emitir esse documento?

E seu eu não fizer declaração?

Aqueles que devem declarar o imposto de renda e não o fazem no prazo, além arcar com a multa, correm o risco de ter o CPF “sujo”, o que pode interferir na hora  de pedir empréstimos, tirar passaporte, prestar concurso público, entre outras coisas, até a  situação ser regularizada.

De acordo com a Receita Federal, foram recebidas quase 32 milhões declarações de IR em 2020.

Veja mais sobre o Imposto de Renda 2020:

IR 2020: correção de juros sobre restituição acontece só a partir de julho

Imposto de Renda: um guia em 7 passos para iniciantes

Restituição do IR 2020: veja o calendário

Este conteúdo faz parte da missão do Nubank de devolver às pessoas o controle sobre a sua vida financeira. Saiba mais sobre nossos produtos e a nossa história aqui.

5

Esse artigo foi útil? Avalie

Obrigado pela avaliação

Você já votou neste post